O plano

Posted: Dezembro 27, 2009 in Uncategorized

O plano estava armado para aquela noite. Eu a raptaria. A teria. E depois. Brindariamos juntos o suave e doce veneno da  morte. Jurariamos amores. Jurariamos a morte para a nossa real felicidade. Eu sei que ela ainda me ama. Ela só precisa que eu a lembre disso. Ela estaria, como de costume, passando pela mesma  rua que sempre passa quando sai do trabalho. Está tudo armado. Tudo. Ela será minha o quanto antes. Agora, c olocarei o plano em prática. A minha Afrodite voltará pra mim. E jurará amor eterno no seu leito de morte.

(Van Sirilank)

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s